Congresso Mundial FIVB
 
FIVB aumenta apoio aos Centros de Desenvolvimento
Porto, Portugal, 13 Maio 2004 – A FIVB anunciou quinta-feira um aumento no apoio aos oito Centros de Desenvolvimento na Ásia, África e Américas. Os Centros de Desenvolvimento serão capazes de se candidatar a fundos adicionais para desportos específicos, programas médicos e administrativos de modo a desenvolver o Voleibol nas suas regiões.

O Prof. Vicente Araújo, Vice-Presidente do Comité Executivo da FIVB responsável pelos Centros de Desenvolvimento, anunciou que a FIVB irá custear as despesas de um instrutor profissional que irá trabalhar a tempo inteiro em cada Centro viajando para países vizinhos e administrar cursos.

Em acréscimo aos Centros de Desenvolvimento existentes na Tailândia, Bahrain, Índia, Tunísia, Senegal, Sudão, Republica Dominicana e Venezuela, o Congresso Mundial da FIVB no Porto aprovou a proposta de considerar a abertura de “centros itenerantes” ou “centros de excelência” em países que estão dispostos a desenvolver o Voleibol e o Voleibol de Praia nas suas regiões mas que não cumprem totalmente as condições requeridas pelos Centros de Desenvolvimento permanentes.

Foi também acordado que França e Cuba irão também participar na ajuda prestada ao desenvolvimento a países francofonos e de lingua espanhola, respectivamente.

A FIVB anunciou também que 90 países beneficiaram dos Programas Desportivos de Ajuda em 2002 – 2003 para desenvolvimento do Voleibol nos seus países.