The HeadquartersCorporate ProfileThe OrganisationFIVB Story
Volleyball StoryChronological HighlightsBeach Volleyball OriginsRulesFundamentals
CompetitionsCalendarWorld RankingsOfficial RulesOfficial FormsVolleyball Story
CompetitionsPlayer BiosWorld RankingsRulesFormsBeach Volleyball OriginsRefereeing
Volleyball Cooperation Programme (VCP)Development CentresTechnical e-libraryTechnical Video EvaluationU-VolleyInternational CooperationMini/School VolleyballPark Volley
Contact l RSS RSS Facebook Twitter YouTube l Login
NEWS

Irã ainda colhe os frutos do trabalho de Cevetkovic

 
O sucesso não é novidade para Jovica Cevetkovic no Irã
 
O Irã está aproveitando a sua primeiríssima participação na Liga Mundial da FIVB, mas um dos principais responsáveis por esse sucesso não está mais envolvido com o vôlei na república islâmica. Mesmo assim, não há dúvidas de que, durante o tempo em que passou lá, ele ajudou a criar os alicerces para o êxito atual.

O coroamento dos seus feitos veio no Campeonato Mundial Masculino Sub-19 México 2007, no qual, como técnico, guiou a equipe a uma medalha de ouro inédita até então. Ele também obteve uma segunda colocação na edição de 2009 da competição e um título do Jogos Asiáticos da Juventude 2008, além de duas medalhas de prata em outras competições continentais.

"Palavras não são capazes de descrever o meu trabalho no vôlei da República Islâmica do Irã", disse Cevetkovic. "Ganhei vários troféus e nós tivemos bons resultados nos campeonatos de que participamos, o que significa que o meu trabalho foi de um nível muito alto. Além dos resultados, porém, há o fato de que eu pude ajudar vários jogadores a se desenvolverem, o que é igualmente importante. É claro que eu não trabalhava sozinho, tudo isso foi resultado do trabalho e cooperação entre técnicos, jogadores e a federação."

Muitos dos jogadores com os quais ele trabalhou estão se firmando na seleção atual do Irã. Enquanto as equipes sub-19 e sub-20 desfrutam de um período de raro sucesso, muito disso se deve às iniciativas introduzidas por Cevetkovic — desde garantir que o selecionado estivesse no ápice do seu condicionamento físico, até introduzir programas nutricionais e novas técnicas de treinamento.

"Acredito que o benefício do meu trabalho no voleibol iraniano se reflete no número de jogadores que agora estão nas seleções nacionais, especialmente na seleção principal e nos maiores clubes do país", disse o treinador. "Eu emprego toda a minha energia neste trabalho, e agora é possível ver os resultados."

Cevetkovic não tem nenhum envolvimento com o vôlei iraniano desde que deixou o posto como técnico principal da seleção masculina sub-19, mas não descarta a possibilidade de retornar no futuro.

"A República Islâmica do Irã e eu criamos uma ligação indissolúvel porque o Irã é, na verdade, a minha segunda pátria", disse. "Morei lá por mais de sete anos da minha vida, e é claro que eu adoraria voltar."



 Language(s)
   English
   French
   Spanish
   Portuguese

 Additional links
   Download high-resolution photo

LATEST NEWS

Latest headlines